Perguntas Frequentes

  1. O ingresso no curso de Mestrado se baseará primordialmente no exame da ANPEC – Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduações em Economia, o qual é realizado anualmente. Adicionalmente, solicita-se que o(a) candidato(a) envie para a Escola: Histórico Escolar do Curso de Graduação, Curriculum Vitae ou Lattes e duas Cartas de Recomendação.

    A seleção para o Doutorado Direto é aberta a portadores de diploma de graduação em qualquer área de conhecimento. A documentação exigida dos candidatos que desejam participar do processo seletivo do curso de Doutorado Direto da EPGE pode ser obtida em https://epge.fgv.br/files/default/edital-doutorado-ingresso-2020.pdf

  2. Sim. Não há a necessidade de qualquer curso de pós-graduação para se iniciar o programa de Doutorado em Economia.
  3. Sim. Porém, uma vez aprovado no processo seletivo do Mestrado, é necessária a entrega do comprovante de conclusão da graduação para efetivação da matrícula.
  4. A EPGE tem interesse especial em alunos motivados e procura facilitar o acesso de jovens ao doutorado. Para isso convida graduandos e graduados de todas as áreas, em particular de Economia, Matemática, Estatística, Engenharias, Administração a participarem de nosso processo de admissão.

    Mais informações sobre os cursos de Mestrado Acadêmico e Doutorado estão disponíveis nas páginas regulamento e grade e corpo docente

  5. Sim. O processo seletivo para estrangeiro é o mesmo para quem é brasileiro. As informações sobre admissão e o formulário de inscrição estão disponíveis em inglês aqui.
  6. A maioria das disciplinas é ministrada em português. Em alguns casos, as disciplinas são ministradas em inglês.
  7. Como as aulas do Mestrado e Doutorado são realizadas em período integral de segunda à sexta, é muito difícil conciliar com uma atividade profissional, principalmente no 1º ano do Programa.
  8. Não. De acordo com as regras dos órgãos de fomento, para recebimento do auxílio bolsa de estudos, não é permitido possuir vínculo empregatício.
  9. Não.
  10. A FGV dispõe em seu andar térreo de serviços de restaurante e lanchonete para alunos, funcionários e profes­sores da Instituição.
  11. A EPGE conta com salas de estudos para alunos de mestrado e doutorado, localizadas no 10º e 11º andares. São equipadas com computadores e acesso às impressoras e, além disso, possuem wi-fi para utilização de dispositivos móveis dos alunos.
  12. Todas as informações sobre as disciplinas do Mestrado e Doutorado estão disponíveis aqui.
  13. Todas as informações sobre as disciplinas do Mestrado e Doutorado estão disponíveis aqui.
  14. Você pode solicitar o aproveitamento das disciplinas cursadas em outro programa através de requerimento aberto na Secretaria de Registros Acadêmicos (SRA). O requerimento é passível de análise da Direção, de acordo com critérios internos da Escola.
  15. Os créditos são automaticamente aproveitados, desde que cursados com aprovação nos últimos 10 anos.
  16. A avaliação do rendimento acadêmico é feita por disciplina, incidindo sobre a frequência e o aproveitamento acadêmico do aluno. São condições necessárias para aprovação:

    1. a inscrição do aluno na disciplina;
    2. a obtenção de NOTA FINAL igual ou superior a 6,0 (seis vírgula zero) na disciplina;
    3. a frequência mínima igual a 75% (setenta e cinco por cento) do total de horas-aula determinado para a disciplina.
  17. Em consonância com as normas dos órgãos reguladores, que não interrompem a contagem de prazo do aluno afastado por trancamento acadêmico, a Escola apenas autoriza o desligamento no Programa, ficando seu reingresso condicionado à submissão de um novo processo seletivo.
  18. O aluno que não conseguir defender sua dissertação/tese dentro do prazo regulamentar será desligado do programa, ficando seu reingresso condicionado à submissão de um novo processo seletivo.
  19. Todas as informações referentes à concessão e manutenção das bolsas estão disponíveis aqui (Mestrado) e aqui (Doutorado).
  20. Não, somente é elegível à candidatura da obtenção de bolsa o aluno que não possui vínculo empregatício, ou, caso possua, estar liberado das atividades profissionais sem percepção de vencimentos. Todas as informações referentes à concessão e manutenção das bolsas estão disponíveis aqui (Mestrado) e aqui (Doutorado) e aqui (Manual).
  21. Para obtenção de bolsa de doutorado sanduíche da CAPES os alunos precisam acompanhar e submeter os documentos de acordo com o edital disponível na página da FGV EPGE – CAPES PRINT.

    Os alunos podem também concorrer à bolsa de doutorado sanduíche pela FAPERJ e CNPq e, para isso, é necessário acompanhar os calendários de bolsas nas páginas dessas instituições

  22. A seleção para ingresso no Programa de Mestrado Acadêmico em Economia se baseará primordialmente no exame da ANPEC– Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia, o qual é realizado anualmente. Adicionalmente, solicita-se que o(a) candidato(a) envie para a Escola: Histórico Escolar do Curso de Graduação, Curriculum Vitae ou Lattes e duas Cartas de Recomendação

    Todos os documentos devem ser endereçados até o dia 13 de outubro à Secretaria Geral da EPGE Escola Brasileira de Economia e Finanças (FGV EPGE), por meio do e-mail secepge@fgv.br, em formato PDF, com a referência “Candidatura ao Mestrado Acadêmico”..

  23. Sim. Os alunos de pós-graduação acadêmica contam com uma rede de apoio para sua inserção profissional ao término dos cursos. Clique aqui para conhecer a página dos candidatos ao mercado de trabalho.
  24. Sim, é possível. O agendamento deve ser solicitado através de e-mail para o secepge@fgv.br. Durante o processo seletivo do doutorado, são realizadas dois eventos informativos, presenciais, para que os candidatos possam tirar suas dúvidas com a coordenação do Programa. Acompanhe o calendário na página do nosso processo seletivo.
  25. Não. Ambos os cursos são isentos do pagamento de mensalidades no curso.
  26. O aluno tem até 6 meses antes da conclusão do curso para comprovar sua proficiência na língua inglesa, de acordo com as normas da Escola. Diplomas e certificados de proficiência emitidos por instituições de renome poderão preencher os requisitos de proficiência.

    Os candidatos admitidos na EPGE que tiverem obtido nota igual ou superior a 5 na prova de inglês do Exame da Anpec 2020 estarão dispensados da comprovação de proficiência em língua estrangeira.

  27. Ambos ocorrem anualmente; para o Mestrado de acordo com o calendário do Exame ANPEC e para o Doutorado o calendário pode ser acompanhado aqui.